terça-feira, 12 de janeiro de 2016

O VALOR DA BIBLIA

O VALOR DE UMA BÍBLIA
Conta-se de um homem muito rico
que, no dia do seu aniversário,
convocou a criadagem à sua sala
para os presentear.
Colocou sobre a mesa diversas
Bíblias e uma pequena quantidade
em dinheiro, e pergunto um cada
um: "O que prefere, esta Bíblia ou este
valor em dinheiro?"
- Eu gostaria de receber a Bíblia,
respondeu pela ordem o cocheiro, mas,
como não aprendi a ler, o dinheiro me
será bastante mais útil!
- Minha mulher está adoentada, disse
o jardineiro, e por esta razão tenho
necessidade do dinheiro; em outra
circunstância escolheria, sem
dúvida, a Bíblia.
- Eu sei ler, disse a cozinheira, porém,
nunca encontro tempo para sequer
folhear uma revista; portanto, aceito o
dinheiro.
Finalmente, chegou a vez do menino
de recados. Sabendo-o bastante
necessitado, o patrão adiantou-se
em dizer-lhe:
- Certamente você também irá preferir
dinheiro, para comprar um sapato
novo, não é isso, meu rapaz?
- Estou precisando muito de um sapato,
mas vou preferir a Bíblia. Sempre quis
ter uma. Minha mãe me ensinou que a
Palavra de Deus é melhor que o ouro.
Ao receber a sua Bíblia, o rapaz
imediatamente a folheou e
encontrou dentro dela uma "gordo"
cheque; seus olhos se encheram de
brilho e ele agradeceu efusivamente
pela grata surpresa.
Os outros criados ficaram curiosos
para saber de quanto era o cheque,
mas, envergonhados, não se
atreveram a perguntar.
A lei do
SENHOR é
perfeita e
restaura a alma;
o testemunho
do SENHOR é
fiel e dá
sabedoria aos
símplices.
Os preceitos do
SENHOR são
retos e alegram
o coração;
o mandamento
do SENHOR é
puro e ilumina
os olhos.
O temor do
SENHOR é
límpido e
permanece para
sempre;
os juízos do
SENHOR são
verdadeiros e
todos
igualmente,
justos.
São mais
desejáveis do
que ouro, mais
do que muito
ouro depurado;
e são mais
doces do que o
mel e o destilar
dos favos..
Salmo 19.7-10

Sem comentários:

Enviar um comentário